O que é a Doutrina Social da Igreja

September 14, 2015

 

     Uma definição aproximada do documento de Santo Domingo afirma que a Doutrina Social da Igreja (DSI) são princípios sociais ensinados pelo Magistério com o objetivo de transformar o mundo de acordo com a vontade de Deus. A Igreja, possuidora da mensagem evangélica e atenta à realidade social, desenvolveu uma reflexão moral e filosófica, pesquisas científicas e experiências da comunidade cristã com o objetivo de desenvolver a DSI. Ela tem a incumbência de nortear e incentivar a ação cristã.

     A DSI possui fontes sólidas que creditam sua proposta: a Sagrada Escritura, os ensinamentos dos Padres da Igreja, grandes teólogos e o próprio magistério compõem uma forte estrutura que propicia uma sustentação evangélica. A doutrina é social porque se foca no homem e na sua dignidade como pessoa. Uma visão que inclui sociedade, cultura e a humanidade. Muito mais do que um projeto político paralelo, o que realmente ela não o é, a DSI incorpora o econômico, o social e o político como parte da missão da Igreja, no que se refere à moral e ao espiritual.

     Jesus Cristo não foi um reformador social, mas um reformador do coração do homem. Contudo, as realidades sociais fazem parte desse coração que sofre quando não possui dignidade. Desta forma, elas se apresentam como consequência imediata da Revelação e a expressão, no cotidiano da vida, do que pensamos. Isso implica em aplicar a DSI em situações concretas da vida humana, encarnando o evangelho no mundo hodierno. A DSI é uma forma de buscar a vida eterna, vivenciando os valores do céu no dia a dia da terra.

 

Fernando Soares Emerick

Fundador da Comunidade Amigos de Jesus

Please reload

                  ARTIGOS                 

Matrimônio, Fruto da História da Salvação (Parte III)

May 6, 2019

1/4
Please reload

Please reload