A Palavra de Deus revelada

September 15, 2015

 

      Neste mês da Bíblia, somos convidados a voltar os nossos olhares e corações para o sentido da Palavra de Deus em nossas vidas. Sabemos que ela é o próprio Deus que se fez palavra e quis comunicar a sua vida divina ao homem. Por isso, quando nos dirigimos a Deus através da sua palavra, estamos dando a chance para que ele se revele a nós, ou seja, para que ele nos comunique os seus ensinamentos de amor.

     O apóstolo São Paulo nos diz na sua Primeira Carta à Timóteo que  “Deus quer que todos os homens sejam salvos e cheguem ao conhecimento da verdade” (1 Tm 2,4), verdade essa que é a pessoa de Jesus Cristo. Em Jesus está toda a revelação de Deus Pai, pois, Ele é a palavra encarnada de Deus que se fez homem e se manifestou à humanidade.

     Por isso, ler, meditar e seguir o que nos falam as escrituras significa mergulharmos no mistério salvífico de Jesus, que é o verbo de Deus encarnado, ou seja, a palavra de Deus que se fez homem e pela ação do Espírito Santo habitou entre nós. Quanto mais nos aproximamos da Palavra, mais fácil se torna a compreensão dos sagrados mistérios da Santíssima Trindade.

     A Palavra de Deus é completa. Nela contém tudo o que precisamos para sermos plenamente felizes. “A palavra de Deus é viva e eficaz, é cortante e penetrante como uma espada de dois gumes” (Hb 4, 12). É claro que, sendo ela a “boca de Deus”, quando chega aos nossos ouvidos, penetra profundamente o nosso ser, nos revela quem somos e o que Deus espera de nós. Essa verdade, muitas vezes, nos desconserta. Torna-se impossível conhecer a verdade e continuarmos sendo os mesmos.

     Considerando que, todos nós queremos experimentar tudo o que Deus tem para nos oferecer, não há dúvida que o caminho é a sua Palavra, por isso, gostaria de convidá-lo, nesse mês, a acolher a palavra de Deus de uma forma nova. São Tiago nos exorta em sua carta no capítulo 1, 22-25, dizendo: “Sede praticantes da Palavra e não meros ouvintes, enganando-vos a vós mesmos. Aquele, porém, que debruça sobre a Lei da liberdade, agora levada à perfeição, e nela persevera não como ouvinte distraído, mas, praticando o que ela ordena, esse será feliz naquilo que faz”.

 

Kelly Emerick

Fundadora da Comunidade Amigos de Jesus

Please reload

                  ARTIGOS                 

Matrimônio, Fruto da História da Salvação (Parte III)

May 6, 2019

1/4
Please reload

Please reload