A Palavra de Deus revelada

Neste mês da Bíblia, somos convidados a voltar os nossos olhares e corações para o sentido da Palavra de Deus em nossas vidas. Sabemos que ela é o próprio Deus que se fez palavra e quis comunicar a sua vida divina ao homem. Por isso, quando nos dirigimos a Deus através da sua palavra, estamos dando a chance para que ele se revele a nós, ou seja, para que ele nos comunique os seus ensinamentos de amor.

O apóstolo São Paulo nos diz na sua Primeira Carta à Timóteo que “Deus quer que todos os homens sejam salvos e cheguem ao conhecimento da verdade” (1 Tm 2,4), verdade essa que é a pessoa de Jesus Cristo. Em Jesus está toda a revelação de Deus Pai, pois, Ele é a palavra encarnada de Deus que se fez homem e se manifestou à humanidade.

Por isso, ler, meditar e seguir o que nos falam as escrituras significa mergulharmos no mistério salvífico de Jesus, que é o verbo de Deus encarnado, ou seja, a palavra de Deus que se fez homem e pela ação do Espírito Santo habitou entre nós. Quanto mais nos aproximamos da Palavra, mais fácil se torna a compreensão dos sagrados mistérios da Santíssima Trindade.


Considerando que, todos nós queremos experimentar tudo o que Deus tem para nos oferecer, não há dúvida que o caminho é a sua Palavra, por isso, gostaria de convidá-lo, nesse mês, a acolher a palavra de Deus de uma forma nova. São Tiago nos exorta em sua carta no capítulo 1, 22-25, dizendo: “Sede praticantes da Palavra e não meros ouvintes, enganando-vos a vós mesmos. Aquele, porém, que debruça sobre a Lei da liberdade, agora levada à perfeição, e nela persevera não como ouvinte distraído, mas, praticando o que ela ordena, esse será feliz naquilo que faz”.

Kelly Emerick

Fundadora da Comunidade Amigos de Jesus

                  ARTIGOS