Mês de Outubro da Missão Terra Santa

November 16, 2016

       O mês de Outubro aqui na Terra Santa foi marcado pelo contato que tive com diversos carismas de nossa Igreja.

       Começou com o evento de abertura do ano letivo, no dia 05, onde se reuniram três faculdades católicas da Terra Santa: Studium Theologicum Jerosolymitanum (onde estudo), Studium Biblicum Franciscanum e Studium Theologicum Salesianum.  As aulas começaram no dia 28 de setembro, mas, a abertura oficial foi uma semana depois, devido ao calendário das outras faculdades.

       Essa cerimônia se iniciou com a Santa Missa presidida pelo Fr. Francisco Patton, atual Custódio da Terra Santa, sendo concelebrada por todos os sacerdotes das faculdades presentes, sendo a maioria, docente. Dentre os estudantes encontramos sacerdotes, seminaristas, religiosos e consagrados de todos os cinco continentes. A Missa foi celebrada em Italiano e as leituras foram proclamadas em Inglês, uma vez que a faculdade dos salesianos ministram as aulas em inglês. Após a Santa Missa, todos nós fomos para o salão da cúria para uma recepção, um momento de fraternidade entre os estudantes.

Cada dia aqui na Terra Santa continua sendo uma novidade que Deus suscita em minha vida e consequentemente em toda a Comunidade Amigos de Jesus. O mês de Outubro foi muito especial, pois, foi um mês onde a Comunidade de Jerusalém ficou conhecendo a Comunidade Amigos de Jesus.

        Entre os franciscanos e a Comunidade Amigos de Jesus, nasce uma relação cada vez mais presente; primeiro porque a faculdade onde estudo é franciscana e tenho um contato diário com eles, tanto os estudantes, quanto os professores são franciscanos; depois porque frequento as missas na Igreja franciscana de São Salvador, onde também está localizada a faculdade. Quando não vou à missa na Igreja de São Salvador, vou à Basílica do Santo Sepulcro, onde os frades já me conhecem de longe, digamos assim. Em terceiro lugar, porque grande parte dos locais santos são protegidos pelos franciscanos e cada dia vou rezar em uma igreja diferente, tendo contato com os frades do local.

       Um fato importante, foi um encontro que tive com o Núncio Apostólico da Terra Santa, Mons. Giuseppe Lazzarotto. Nesse encontro, apresentei a Comunidade Amigos de Jesus, partilhamos um pouco sobre o Carisma Amigos de Jesus, nossa história e nossos sonhos. Essa aproximação com a Igreja na pessoa do Núncio é muito importante para a inserção da Comunidade na Terra Santa, e o Mons. Lazzarotto foi muito acolhedor e nos incentivou em mantermos essa aproximação.

        No dia 15 de outubro, Solenidade de Santa Teresa de Jesus, baluarte da Comunidade e fundadora do Carmelo Descalço, foi um dia muito especial em que celebrei junto com o Carmelo de Jerusalém e pude rever a comunidade carmelita do Pater Noster. Nesse mesmo dia, apesar da distância, participei da formação interna da Comunidade, via Skype. Foi uma Solenidade muito bem celebrada.

No dia 29, saí em uma excursão arqueológica com os padres Dominicanos, pois, já nos conhecíamos desde 2012 quando estive na Terra Santa, e eu sempre saía em excursão com eles. Como me interesso muito com a Teologia Bíblica, essas excursões são muito enriquecedoras, intelectualmente e espiritualmente. Na faculdade onde estudo, também saímos em excursão pelo menos 4 vezes por mês e tudo isso traz sempre um novo para nós.

       No último domingo do mês de outubro, após a missa dominical, fui conhecer a Comunidade Salesiana e pude almoçar e passar um dia com eles. Enfim, são muitos carismas diferentes, mas, essa aproximação é importante porque gera um contato mais direto com a Igreja local. Como nós católicos somos uma minoria dentre muçulmanos e judeus, essa diversidade nos mantém enraizados e em contato com a realidade da Terra Santa. A Missão Terra Santa continua, com a Graça de Deus!

Leandro Marinho Perpétuo

Com. Amigos de Jesus

Missão Terra Santa

Please reload

                  ARTIGOS                 

Fátima, Marxismo e Família

April 30, 2020

1/6
Please reload

Please reload