Novembro de 2017 da Missão Terra Santa

December 4, 2017

       No mês de Novembro, a Igreja celebrou a Festa de Todos os Santos, e hoje antes de escrever este artigo, percebi que esse mês pude celebrar muito bem essa data, em que o céu e a terra se encontram por meio da Igreja em Cristo.

       Providencialmente, além de celebrar no dia 1º de novembro a Festa de Todos os Santos, no dia 14 de novembro celebramos aqui no Carmelo a Festa de Todos os Santos Carmelitas, e esse dia foi muito especial. Durante o mês, tivemos aqui no carmelo um Frade Carmelita da Província de Toulouse (França). Para nós da Comunidade Amigos de Jesus, que bebemos da espiritualidade carmelitana, celebrar os santos carmelitas com o Carmelo é um modo de também nos unirmos à família carmelitana.

       Dia 29 de Novembro, celebrei também o dia de todos os santos franciscanos. Estudo em uma faculdade franciscana e três frades do Peru que estudam comigo fizeram sua profissão solene nesse dia. Enfim, nesse mês participei de três celebrações em que essa realidade da comunhão dos santos se fez presente de modo explícito. Devido a essas celebrações, posso dizer que esse mês foi, realmente, o mês de todos os santos, sem falar do ápice desse mês que é a Solenidade de Cristo Rei do Universo. É muito bom, quando a liturgia passa a ser vivida em nosso cotidiano, essa realidade celeste se torna mais viva.

        Fizemos, também, algumas excursões com a faculdade. Visitamos Antipatris, Cesareia Marítima (onde Paulo ficou preso por 2 anos antes de sua viagem a Roma), Emaús, Ain Karem (vilarejo de Santa Isabel), Belém e a fortaleza de Herodes (Herodium). Para mim, essas excursões na Terra Santa sempre são especiais, e trazem uma novidade que me porta a Cristo, por isso, eu amo tanto essa Terra. Esse mistério que encontramos aqui na Terra Santa é algo que ninguém pode negar, realmente se trata de um quinto evangelho. Mesmo que todos os cristãos fossem expulsos dessa terra, os locais santos ainda testemunharão o Cristo, porque foi aqui que o Verbo se fez carne. Espero que isso nunca aconteça, pelo contrário, que essa Terra seja sempre cada vez mais cristã, mas, se isso acontecer, nesse dia, verdadeiramente, as pedras falarão.

       Por falar nisso, ao longo de todo esse mês encontrei com muitos grupos brasileiros aqui na Terra Santa, nunca tinha visto tantos grupos brasileiros com tanta frequência. Muitas pessoas que moram aqui em Jerusalém chegaram a comentar sobre esses grupos comigo. Me recordo de algo interressante que aconteceu esse mês com um desses grupos.

       Eu fui rezar no Santo Sepulcro, e quando estava saindo da Basílica, encontrei um grupo de brasileiros, então passei e cumprimentei brevemente algumas pessoas do grupo. Porém, quando eles ficaram sabendo que eu estudava Teologia aqui, todo o grupo veio me conhecer, eram umas 11 pessoas. Esses peregrinos tinham vindo a Terra Santa com um grupo de protestantes e o guia do grupo era judeu. Como o grupo protestante não estava visitando os principais locais santos de Jerusalém, porque é justamente nesses locais santos que a Igreja Católica está presente, esses 11 peregrinos católicos se separaram do grupo protestante para visitar essas igrejas por conta própria. Faltava, porém, alguém para os guiar. Então, o grupo me pediu para guiá-los. Fizemos a via sacra, onde eu expliquei sobre cada estação e sobre a Basílica do Santo Sepulcro, e consequentemente, um pouco da história do Cristianismo em Jerusalém. É impressionante ver como o povo vai fazendo experiência em cada local. É muito lindo!

       A Terra Santa é um local onde você não pode ir em uma agência qualquer e fechar um pacote de viagem. Para conhecer a Terra Santa, precisa ser com um grupo católico, porque não trata somente de uma viagem, mas, de uma experiência de fé. Este é um dos motivos em que nós da Comunidade Amigos de Jesus, por meio da Amigos de Jesus Peregrinações, realizamos peregrinações para a Terra Santa. E não somente para Terra Santa, mas, também para outros locais que falam ao coração dos católicos como Fátima, Roma, Lourdes, Guadalupe, dentre outros. Se você quiser saber sobre nossos pacotes de viagem visite nosso site: www.amigosdejesusperegrinacoes.com.br.

       Agora estamos encerrando o Tempo Comum e entrando no Tempo do Advento. Um novo tempo sempre traz novas oportunidades de experienciar Cristo. Que esse novo tempo que se inicia, possa também se realizar em nossos corações. Que possamos aclamar juntos com a Igreja o nosso “Maranathá”, vem Senhor Jesus!

Leandro Perpétuo

Com. Amigos de Jesus

Missão Terra Santa

Please reload

                  ARTIGOS                 

Matrimônio, Fruto da História da Salvação (Parte III)

May 6, 2019

1/4
Please reload

Please reload